Curaçao: parte 6 – praias de Port Marie e Cas Abao

Em destinos de praia, gosto de formular os roteiros quando chego no destino, pois assim pego o mapa e já vejo o que é mais viável. Desde que chegamos em Curaçao, li milhares de vezes os relatos do site Falando de Viagem para decidir onde passaria a maior parte do tempo. Lendo outros sites, fiquei na tremenda dúvida sobre qual seria a praia mais bonita da ilha: uns votavam em Kenepa Grandi e outros em Cas Abao ou Port Marie. Portanto esse dia começava com um grande ponto de interrogação sobre qual seria a nossa praia favorita de Curaçao.

Não me lembro se disse nos posts anteriores, mas reforço aqui a importância de GPS em Curaçao. Mesmo com o equipamento erramos o caminho várias vezes e nem quero imaginar o que teria acontecido sem ele, hehe.

No caminho, passamos pelo Flamingo’s point, que é um banhado onde existem vários flamingos. Não consegui chegar perto para fotografá-los, mas vale a pena uma paradinha. Essa foi a primeira vez que vi os bichinhos fora de um zoológico.

DSC09416

Antes de chegarmos às praias mais famosas, demos uma parada em Daaibooi, uma praia pública bem bonita e calma.

DSC09419 DSC09421

Logo a frente, chegamos a Port Marie, que é uma praia paga, com estacionamento, restaurante e toda infraestrutura para o conforto dos frequentadores.

DSC09425

Não havia uma portaria e entramos sem saber para quem deveríamos pagar. Achamos a praia lindíssima, mas não encontramos nenhum lugar na sombra para nos alojarmos. Sendo assim, resolvemos apenas tirar algumas fotos por ali e partir para Cas Abao.

DSC09444 DSC09448 DSC09450

Pegamos o carro  e seguimos até a tão falada praia de Cas Abao.

DSC09452

Logo ao chegar na praia, você é recebido pelo simpático porteiro que adora brasileiros e ali mesmo paga a entrada.  Cas Abao tem até site e lá você pode checar o preço.

A praia é ma-ra-vi-lho-sa e conta com restaurante, casa de massagens, aluguel de cadeiras e guarda-sol. Estava cheia, mas como tem grande extensão de areia isso não nos incomodou. Nos instalamos numa sombra e lá ficamos curtindo a deliciosa sensação de estar ali.

DSC09455DSC09457

Tudo é lindo por lá, mas o ponto mais fotogênico da praia são suas pedras na lateral direita. Um lugar que você irá tirar fotos e mais fotos, de tão perfeito que é o cenário.

DSC09492DSC09477 DSC09485

Estava muito quente e só saímos da sombra para ficar na água fazendo snorkel. A água é extremamente transparente e conseguimos ver vários peixes por lá.

Aproveitamos a estrutura para tomar um sorvetinho, comprar bebidas e fazer nossa farofa.

DSC09517

Passamos a tarde toda por ali e quando o sol estava baixando resolvemos levantar acampamento. Nossa viagem estava chegando ao fim e esta foi a última foto que tiramos em Curaçao.

DSC09531

Adoramos Port Marie e Cas Abao, mas por muito pouco ainda prefiro Kenepa Grandi, por ser mais deserta e menos “urbanizada”.

Voltamos para o hotel, arrumamos nossas coisas e começamos a nos preparar psicologicamente para voltarmos ao Brasil. Para nossa sorte, conseguimos no Panamá antecipar nosso voo e chegando em São Paulo também deu certo.

Aruba e Curaçao é uma dobradinha fantástica e eu recomendo muito. Dois lugares lindíssimos, com povo acolhedor e praias paradisíacas separados apenas por meia hora de voo.  Ir até lá e só conhecer uma delas para mim é um desperdício. Vale qualquer esforço para reunir os destinos em uma única viagem.

Essa foi nossa segunda ida para ilhas caribenhas (a primeira foi para Los Roques), mas mesmo assim, quando víamos as fotos das praias não conseguíamos acreditar na cor real da água. Só estando em praias como estas que você tem certeza de que não é Photoshop e que lugares assim existem. Estar lá é algo mágico e escrever este post 3 meses após ter voltado só me faz ter mais saudades deste paraíso na terra chamado Caribe 🙂

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em América do Sul, Caribe, Curaçao

6 Respostas para “Curaçao: parte 6 – praias de Port Marie e Cas Abao

  1. Glauber

    Olá,
    Gostaria de saber se não é permitido a caça submarina em nenhuma praia, como vi em algumas plaquinhas…

  2. lais

    thais,
    gostaria de saber se as estradas de curaçao que leva nas principais praias são muito precárias
    obrigada

  3. Adilson

    Olha, parabéns pelo seu blog. Nao o conhecia e foi uma grata surpresa. Da pra usar como referencia pra qualquer viagem. So queria saber sua conclusao. Afinal de contas… Aruba ou Curaçao caiu mais na graça de vocês?

    • Obrigada Adilson! Olha, vou te dar uma resposta que vai mais gerar dúvida do que responder, mas foi nossa impressão. Gostamos mais de Curaçao por causa do azul único de suas praias. Porém, se fosse para ir de novo, iria para Aruba, pois as praias são mais próximas 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s