Nanjing Road à noite e mais um pouco de Xangai

Mesmo com a chuva que tinha caído, continuava muito calor em Xangai. Voltamos para  Nanjing Road e fomos curtir o agito noturno da rua, que ganha um charme especial com os letreiros acesos.

DSC01391

Como já disse em um post anterior, lá na China não importa qual o dia da semana que as ruas sempre estarão cheias de gente. E aproveitando a muvuca, fomos andando até quase o final do calçadão.

DSC01395

Caso você tenha preguiça, há um bondinho que cruza a Nanjing Road. Além das super lojas, o que chama a atenção são os grupos de chineses curtindo a vida cantando em rodas ou fazendo engraçadas coreografias coletivas, com direito à música bem animada (no vídeo que publicarei em breve vocês verão que eu me empolguei e fui dançar junto, haha)

Estávamos bastante cansados e só tínhamos pique para jantarmos e logo voltar para o hotel. Após quase uma semana na China, eu estava desesperada por comer algo que não fosse Mc Donald’s e para nossa sorte achamos um restaurante que servia pizza. Hummmm!

No outro dia, tomamos café numa padaria próxima ao hotel e seguimos para a região da People Square, onde fomos abordados por uns chineses querendo nos dar o golpe do chá. Chegam todo simpáticos, puxando papo num inglês impecável, se oferecem para tirar fotos suas e te convidam pra ir tomar chá e dar o golpe. Por ali fomos abordados duas vezes com essa ladainha, mas felizmente estávamos bem espertos 🙂

DSC01435 DSC01439DSC01441 DSC01443

De lá seguimos para um Carrefour, onde queríamos ver se era verdade umas lendas que contavam sobre mercados na China (farei um post exclusivo) e também para fugirmos um pouco do calorão insuportável. Como já tínhamos visto quase tudo que Xangai tinha de mais turístico, estava nos sobrando tempo.

Após o Carrefour, fomos de novo pra skyline e seguimos para a região mais modernosa de Xangai, onde ficam seus maiores arranha-céus.

Ao descer do metrô, você já instintivamente olha pra cima e se deslumbra com o visual.

DSC01557

Demos sorte de acharmos bem na saída do metrô uma lanchonete francesa, onde encontramos deliciosos croissants. Aproveitamos para comer ali fora mesmo, observando os super prédios.

DSC01565 DSC01566 DSC01567

Bem próximo dali, estava também a Pearl Tower, que é o destaque arquitetônico da skyline de Xangai. Feia, estranha, medonha? Sei lá, mas que dá vontade de tirar várias fotos dela dá, rsrsrs.

DSC01577

Porém, o outro lado é muito mais bonito! Aliás, o conjunto todo das super passarelas de vidro para os pedestres e os prédios que competem entre si para ver quem é o mais alto mostram o lado high tech de Xangai.

DSC01568 DSC01569 DSC01573 DSC01579

Fomos para o outro lado da rua para seguirmos ao prédio mais alto da China (por enquanto, uma vez que os novos recordistas já estão quase prontos) que é o Shanghai World Financial Center, que para ficar mais fácil de vocês verem na foto é aquele que parece um abridor de garrafa. Aquele outro em construção será mais alto que ele e deverá ficar pronto em 2014. Mas, nessa corrida maluca de quem faz o prédio mais alto do mundo, a China já está construindo um que será maior inclusive que o de Dubai. Vai entender….

DSC01589

Sempre que subimos nesses arranha-céus que exibem orgulhosos seus recordes, nos frustramos. Primeiro porque as fotos em que você quer aparecer não prestam, e outra que achamos meio monótono. Mas, toda vez queremos subir 🙂 Haha! Trata-se do processo de baixar bastante a expectativa para não sair de lá mais uma vez achando que foi uma furada.

A parte que acho mais legal é a historinha que contam antes, de como foi construído, quantas pessoas trabalharam e comparações com os concorrentes. Neste de Xangai, eles não contavam pra quem “perdiam” a disputa. Apresentavam apenas o lado bom de Xangai e da construção. Havia também uma maquete mostrando a cidade durante várias horas do dia.

DSC01591 DSC01592

Ao chegarmos no topo de seus 474 metros, no observatório mais alto do mundo, fomos tentar tirar algumas fotos. Por lá, além dos vidros que sempre atrapalham, havia também muita poluição prejudicando a vista.

DSC01596 DSC01606 DSC01608

Outra atração lá em cima são alguns pisos de vidro, mas achei bem sem graça perto da CN Tower no Canadá.

DSC01617

Ficamos pouco tempo por lá e logo descemos. Demos mais uma volta ali na região modernosa e aproveitamos para tirar as nossas últimas fotos de Xangai.

DSC01627 DSC01628 DSC01629

Havíamos pago uma diária a mais no hotel para podermos tomar banho antes de seguirmos para Hong Kong. Foi a melhor coisa que fizemos, uma vez que o calor estava insuportável neste dia.

Prontos, pegamos nossas coisas e seguimos rumo ao aeroporto de Pudong, que é muitoooooo longe do centro. Pegamos horário de pico e fomos espremidos boa parte do trajeto. Felizmente chegamos a tempo.

Logo que fomos fazer o checkin, nos informaram que o voo estava atrasado, mas que já nos dariam um voucher para alimentação para amenizar o transtorno. Por volta de 23 h, embarcamos rumo à Hong Kong.

Xangai foi demais! Além da skyline e do nosso upgrade de quarto que foram agradáveis surpresas, a cidade como um todo nos impressionou muito.

Veja nos posts a seguir o vídeo que resume nossa estada por lá 🙂 Até mais!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Ásia, Xangai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s