Como foi minha gravidez?

Deixei para postar esse post bem no finalzinho da gestação por 2 simples motivos. O primeiro é porque esse blog sempre foi e continuará sendo um blog de viagens e não quis ficar enchendo de postagens de gravidez para não perder o foco. O segundo é porque quis contar tudo de uma só vez e fazer meu relato completo para os leitores que também estão vivendo ou viverão esse momento possam saber como foi. Um outro fator que me fez adiar é que como disse em algum momentos por aqui, nunca encarei a gravidez como algo glamuroso e mágico (desculpas pelo realismo excessivo, rsrsrs).

Fiquei muito feliz de ter engravidado no mês que queria, e de estar encarando essa nova fase de minha vida, mas logo nos primeiros sintomas que tive, vi que os longos 9 meses não seriam tão fáceis. Como descobri logo no início (4 semanas), pude encará-la de cabo a rabo.

Uma coisa que notei logo no começo é que muitas coisas que acontecem na gravidez não são contadas!! Parece que ficar grávida é lindo e maravilhoso e que tudo será um mar de rosas, mas não foi assim que me senti, apesar de ter tido uma gravidez super tranquila perto do que vi acontecer com outras pessoas. Mas vamos por partes! Vou dividir o relato em 3 trimestres, que é como os médicos fazem.

Primeiro trimestre:

É muito engraçado você descobrir que está grávida! Quando peguei o resultado do exame assim que voltamos de Dubai, vários sentimentos estranhos tomaram conta de mim, desde medo até a alegria de ter sido sortuda de conseguir tão rápido. Mas parece que a ficha ainda não cai, e levaram algumas semanas para eu começar a me sentir um projeto de mamãe 🙂

Já sabia desde sempre que pagaria o que fosse para saber o sexo do bebê o quanto antes, e assim que completei as 8 semanas fiz o exame de sexagem fetal para saber que era a Camila que estaria vindo. Digo que dos nove meses de gravidez, os 3 dias mais longos foram os que tive que esperar para sair o resultado do exame. Quando saiu chorei horrores de felicidade por saber que agora poderia chamá-la pelo nome, e não apenas de bebê.

sexagem

Sintomas físicos:  senti muito enjoo e sono nos três primeiros meses, além de cólicas terríveis. Apesar disso, continuei fazendo atividade física principalmente caminhadas, uma vez que o médico me recomendou não ir na academia nas 12 primeiras semanas. Meu apetite continuou normal e desde o início eu tinha consciência de que não precisaria comer por dois. Sempre fui muito regrada com alimentação e na gravidez não seria diferente.

Assim como faço há anos, continuei com meu acompanhamento quinzenal com uma nutricionista.

Segundo trimestre:

Em tudo que lia estava escrito que esse seria o melhor período da gravidez e realmente foi. Apesar de eu ter descoberto que estava com a placenta baixa e assim ter de novo restrição para ir à academia, o médico me deixou continuar com as caminhadas. O meu alívio foi ele permitir que eu viajasse para os EUA no final de dezembro. Nessa época que fizemos nossa última viagem sem a Camila, que foi para João Pessoa no carnaval.

Sintomas físicos: magicamente os enjoos desapareceram, assim como as cólicas e o sono. Viajei para os EUA sem ter nenhum sintoma e por lá pude bater perna à vontade. Meu único cuidado foi gastar uns bons dólares para garantir alimentos saudáveis na minha alimentação por lá. Foi nessa fase que meu corpo começou a mudar e as roupas passaram a não servir mais. Confesso que sofri um pouco (ou seria muito?) com essa fase de transição. O bom é que minha barriga demorou bastante para aparecer, mas por outro lado não aguentava mais as pessoas menosprezando meu projeto de pancinha, rsrs.  Nas fotos abaixo, eu com 6 e 7 meses de gestação.

IMG_0343DSC05363

Terceiro trimestre:

A reta final da gravidez leva fama de ser a mais chata e cheia de sintomas desagradáveis. Também costuma ser conhecida como a fase da correria para deixar tudo pronto caso o bebê resolva aparecer antes do tempo. Para nós, nada disso aconteceu. Como somos bastante planejados, já no final do sexto mês estávamos com o quartinho todo pronto e arrumado. Como já tínhamos comprado tudo nos EUA, não precisei comprar nada aqui no Brasil. A fase final não teve nenhuma correria.

E por falar em quartinho, segue uma foto para vocês verem.

DSC05465

Sintomas físicos:

Continuei normalmente com minhas atividades físicas e frequentei a academia até a última sexta-feira (ela nasce amanhã, que é segunda 🙂 ). Isso me ajudou muito a me manter saudável e ativa, sem problema algum de inchaço, pressão ou qualquer outro sintoma comum nessa fase de gestação.

IMG_0942

Fiquei extremamente feliz de ter engordado apenas 11 kg e espero me livrar deles o mais breve possível. Mas digo que isso foi resultado de toda uma vida saudável que sempre levei, e nada específico da gravidez. Minha barriga não ficou enorme (felizmente!) e nessa foto tirada 4 dias antes da cesárea vocês podem conferir.

10389979_904501429575936_2264814363069597546_n

E por falar em cesárea, essa foi a grande frustração do período. Meu sonho sempre foi fazer parto normal, porém tive placenta prévia que é um impeditivo real para esse tipo de procedimento e infelizmente terei que encarar a cirurgia 😦  Fazer o quê?

E finalmente chega a hora….

Pois é, o grande dia está chegando. A cesárea está marcada para amanhã de manhã e por incrível que pareça não me sinto ansiosa, mas sim cheia de medos e receios. Acho que só vou respirar aliviada assim que tiver ela no meu colo saudável e perfeitinha. Nessa última semana, por alguns momentos pensei que queria ficar com ela mais um tempinho na barriga, com certeza pelo medo do novo que está por vir. Agora faltam menos de 24 horas e só nos resta esperar….

Anúncios

12 Comentários

Arquivado em Gravidez

12 Respostas para “Como foi minha gravidez?

  1. Ana Silvia Mota

    Oi Thaís!! Perfeito seu relato!!!
    Tudo de bom para você e filhota!! Vou aguardar a postagem da fotinha..
    Um afetuoso abraço…
    Ana Mota.

  2. Flavia

    Querida amiga, fico super feliz por você, vai dar tudo certo, vou orar por você amanha. Entendo bem seus medos e expectativas pois estou passando pelo mesmo rsrsrs…..amanhã essas horas vai estar com sua gatinha nos braços…que maravilha!…que Deus guarde todos vocês nessa data especial….um grande bjo!

  3. Oi Thaís!
    Como passou rápido!! Parece que foi outro dia que vc anunciou sua gravidez.
    Tudo correrá bem amanhã e logo você estará com sua bebê no colo, dando início à viagem mais inesquecível e duradoura de sua vida!
    Boa sorte e felicidades!

  4. Marcela Nering

    Ooi Thais!!!
    Que fofa essa postagem!! Fico feliz em saber que provavelmente vc já tá com a Camila nos braços… Que alegria!
    Tudo de melhor pra vcs duas, que essa vida nova seja incrível pra família! E trate de continuar viajando pra me inspirar a criar coragem e engravidar logo!! hahaha

    🙂

    Beijos!

  5. Dani

    Que fofo! Que a Camila possa ter muita saúde pra poder acompanhar a mamãe pelo mundão! Felicidades para a família agora mais completa! Beijinhos!

  6. Laura Matias

    Olá, Thaís!
    Que momento mágico que você está vivendo.
    Tenho certeza que aproveitará intensamente cada segundo junto da sua família agora completa com a presença da Camila.
    Apesar de não te conhecer pessoalmente você é uma grande inspiração para mim, quero algum dia ter a oportunidade de viver algumas das experiencias maravilhosas que já viveu com as suas viagens.
    Nunca desista do blog!
    Felicidades ; )

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s