Viajar em tempos de crise? Sim ou não, eis a questão!

É minha gente! A economia anda assustadora e a cotação do dólar mais ainda, e vira e mexe me pego pensando sobre manter nosso ritmo de viagens ou dar uma parada e aguardar. Por isso vim aqui compartilhar com vocês o que andamos pensando e quem sabe ajudar os que estão no mesmo dilema.

Postei esses dias no Face uma planilha de nossa primeira viagem à Europa em 2008 e que saudade deu de ver a cotação do dólar em R$1,68 e o Euro valendo R$2,64. De lá pra cá, fizemos várias viagens e infelizmente o cenário só foi piorando.

IMG_4120

O problema esse ano é o panorama geral de desaceleração da economia, da recessão que tanto a empresa onde eu trabalho quanto a do Loedi estão enfrentando. Dizer que não tivemos receio de ser demitidos seria uma grande mentira, tanto que esperamos um bom tempo para fecharmos nossas férias, com medo de que algo acontecesse no meio do caminho e tivéssemos que cancelar nossos planos. Mas então, por que decidimos manter as férias e também já fechar a viagem de final de ano? Não seria hora de dar uma segurada?

Nosso pensamento foi o contrário, e decidimos optar pelo lado positivo das coisas. Pensamos da seguinte maneira: melhor continuarmos viajando enquanto podemos e temos emprego, do que depois se arrepender de não ter feito nada. Além disso, precisamos aproveitar o tempo que ainda temos antes da Camila pagar a passagem dela e também o período em que ela pode sair de férias quando bem entendemos. O tempo passa muito rápido e logo, logo teremos que seguir o calendário escolar pra viajar e com isso nossos gastos aumentarão consideravelmente.

Quando nos questionam sobre viajar com o dólar nas alturas, a resposta que sempre damos é que sempre buscamos ser bem econômicos nas viagens e nessa seremos mais ainda. Um outro ponto a considerar é dizer que já íamos pra Europa com a cotação do Euro em 3 reais e tudo deu certo. O jeito positivo de encarar é pensar que ainda assim terão coisas nos States que custarão bem menos que no Brasil.

Vendo mais vantagens ainda em  viajar com o dólar alto é poder contar com a sorte de um voo vazio e podermos colocar a Camila deitada confortavelmente no voo (assim seja!), é ter pago um valor justo nas passagens para os EUA (algo que antes era impossível) e ainda aproveitar a fase mais deliciosa (por enquanto) de nossa baixinha, que está uma tagarela de mão cheia!

Portanto, o nosso palpite é: continue viajando enquanto puder e seja feliz no meio do cenário econômico caótico, pois como já digo há tempos: viajar é a única coisa que você compra e que te deixa mais rico 🙂

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em Blogagem

6 Respostas para “Viajar em tempos de crise? Sim ou não, eis a questão!

  1. Wallace Silveira

    Parabéns Thaís!!! Vc serve de exemplo e motivação para as minhas viagens com minha esposa e filhos. Concordo plenamente com esse seu post, e sempre q viajo para algum lugar q vc já mencionou por aqui, ele serve de base para meu planejamento!!!

  2. Olá, Boa tarde.. Parabéns pelo blog e pela postagem..

    Me diz uma coisa, você poderia disponibilizar essa planilha como a da foto que vocês utilizam como planejamento de viagens? Nos ajudaria bastante.

    Desejo sorte na viagem de fim de ano!!

  3. Marcela

    Oi Thaís, adorei seu post pq pensamos igual. Mas a grande questão agora é, o dólar não está mais 3, e sim 4. Vc acha que continua valendo a pena ir aos EUA? Estamos planejando nossa viagem à Disney com 2 crianças, um menino de 6 anos e uma menina de quase 3 (que ainda não pagará entrada pros parques pq ainda terá 2). O que vc acha? Não consigo resolver…

    • Olá, Marcela! Eu te incentivo a ir por alguns motivos, rsrsr. Primeiro porque sabe lá onde esse dólar vai parar. Se eu não tivesse ido com o dólar à 3, hoje estaria muito brava com a cotação de 4 e diria: porque não fui quando estava 3. Outro ponto é a idade das crianças.A Disney é maravilhosa em qualquer idade, mas a magia aos 6 anos e aos 3 é encantadora. Minha chefe estava indecisa sobre levar a filha dela de 6 e quando eu disse isso a ela foi o que a fez decidir por ir. Na volta me agradeceu bastante, pois a filhinha dela tremia de alegria aos ver o Mickey e as princesas. Outro ponto positivo é uma das crianças não pagar ingresso (são váriossss dólares de economia) Além disso, ainda tem muita coisa que mesmo com essa cotação vale a pena comprar lá, como roupa de criança, por exemplo. Se vc tem a grana pra ir, não vejo nenhum motivo para não ir. Tem crise, tem! Mas não sabemos se vai melhorar ou piorar, então nada melhor do que curtir momentos mágicos com quem amamos. Boa viagem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s