Ruínas de Tulum com bebê

O perrengue do dia anterior+um dia chuvoso quase foi a desculpa para ficarmos o dia todo só na pousada curtindo a folga. Mas, como vocês já me conhecem um pouquinho, é claro que não ficamos com essa alternativa. Já que o dia não daria praia, optamos por encarar a viagem de 70 km até Tulum, onde há um famoso sítio arqueológico maia.

Farei um post sobre como é alugar carro por lá e também minhas impressões sobre dirigir na Riviera Maia, mas aqui já adianto que tudo é extremamente bem sinalizado e a estrada é ótima. Portanto, chegar em Tulum foi moleza!

IMG_5048

O estacionamento é pago e logo que você chega encontra um monte de lojinhas de artesanato, souvenirs e restaurantes. Se precisar ir ao banheiro, espere chegar próximo à entrada do sítio arqueológico que além de ser mais limpo do que o da entrada, é grátis.

DSC08042 DSC08045 DSC08046

O que me chamou a atenção por ali, foi a quantidade de vendedores oferecendo repelente “principalmente para a bebê”, eles diziam. Como este programa não estava em nossos planos iniciais, eu não tinha lido nada sobre o lugar para saber se tratava de pegadinha (vivia em constante estado de atenção com medo de levar golpe) ou se realmente era necessário. Por outro lado, por mais que fosse preciso usar repelente na visita, quem me garantiria a procedência do produto por ali, para a sensível pele da Camila?Os mosquitos me amam e resolvemos encarar sem nada. Caso eu fosse mordida, seria sinal de que a coisa era séria e assim tentaríamos usar o cheiro do protetor solar para espantar os mosquitinhos.

Para chegar à bilheteria das ruínas é necessário uma pequena caminhada, ou pagar por um “trenzinho”. Nós preferimos ir andando.

DSC08044 IMG_5002 IMG_5001

Eis que ali na bilheteria, encontramos uma outra família passando repelente num bebê um pouquinho maior que a Camila. Usei toda a minha cara de pau e pedi um pouco emprestado para garantir nossa tranquilidade, mesmo não tendo sido picada até o momento. Os mexicanos muito simpáticos nos deram um pouco do produto e assim nossa baixinha estava protegida.

Iniciamos a trilha até as ruínas e a acessibilidade nos surpreendeu positivamente. Ir com carrinho é totalmente possível e recomendável.

IMG_5004 IMG_5005 IMG_5006

Tulum é um sítio arqueológico onde havia uma cidade maia murada localizada na costa do mar do Caribe. Como já era esperado, o maridinho iria parar em cada plaquinha para ler a história das construções. Enquanto isso, eu corria atrás da Camila que ficou maluquinha com tanto espaço pra correr e tantas pedrinhas pra brincar.

DSC07990 DSC07997

IMG_5007 IMG_5045

O Loedi sempre me enche o saco de eu ficar perguntando pra ele o que era isso, o que era aquilo, todas as vezes que visitamos lugares históricos, hehe. Sorte que ele é bonzinho e sempre vai fazendo a narração histórica pra mim. Apesar de eu não ler tudo, gosto de imaginar que um dia pessoas ali viveram, que histórias de vida passaram por ali e dou uma viajada no tempo tentando reconstruir o cenário. Dessa parte eu realmente gosto!

IMG_5011

IMG_5019 IMG_5032 IMG_5037

Por ser o único sítio arqueológico mexicano localizado à beira-mar, é claro que a parte mais lotada de turistas é de onde se tem a vista para a praia. É lá também que estão as ruínas da construção mais importante do sítio. Porém por ali é possível ver nitidamente o estrago causado pelo sargaço. O mar azul turquesa que vemos nas fotos da internet se tornou marrom de algas até bons metros longe da costa.

DSC07999

DSC08000

Mesmo com esse detalhe, super recomendo a visita às ruínas de Tulum por que você levará no máximo 2 horas por lá  e pode conciliar esse passeio com outro. Para quem não é tão fã de roteiros históricos, Tulum é legal na medida. Ficamos bem felizes de termos escolhido ir até lá e o dia nublado foi perfeito! Com o sol forte na cabeça, não creio que teria sido fácil com a Camila.Portanto, caso esteja planejando viajar para a Riviera Maia e tenha algum dia chuvoso ou nublado, Tulum é a melhor opção!

E para quem ficou curioso sobre os mosquitos, eles só apareceram no caminho de volta para o carro (ufa!!!), mas mesmo assim recomendo levar repelente para evitar qualquer contratempo 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em América do Norte, México, Tulum

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s