Arquivo da categoria: Ljubljana

Ljubljana: a charmosa e bucólica capital da Eslovênia

Devido ao nosso erro de planejamento nas reservas, teríamos que mudar de hospedagem no dia que reservamos para conhecer o centro de Ljubljana. Sendo assim, tivemos que sair cedo com as bagagens, passar no novo apartamento deixar nossas coisas e depois iniciar nosso passeio. Menos mal que sabíamos que 2 horas seriam suficientes para conhecer os prinicipais pontos da capital eslovena.

Após cumprirmos essa missão, seguimos para um estacionamento no centro de Ljubljana e logo estávamos nas incríveis ruelas da cidade.

Começamos pela Ponte dos Dragões, um dos símbolos da cidade que tem dragão inclusive em seu brasão. Essa é uma das mais famosas, porém há muitas outras sobre o rio Ljubljanica.

dsc08495

Caminhando poucos metros, encontramos a Butcher’s Bridge, ou Love Bridge, onde se encontram vários cadeados pendurados como vemos em outras cidades europeias. O destaque dessa ponte é o chão de vidro. Camila gostou tanto de ver os cadeados que foi difícil tirá-la dali 🙂

dsc08498 dsc08499 dsc08500 dsc08502 img_9014

Seguimos andando à beira do rio, vendo as pessoas aproveitando os bares, restaurantes, ou simplesmente curtindo a cidade. As ruas estreitas são um charme, a simpatia da população é visível e a estrutura da cidade impressiona. Um bom exemplo são os banheiros públicos limpos e gratuitos a cada esquina, o que achei o máximo!

img_9016 img_9024 img_9021

Minha paixão à primeira vista por Ljubljana me fez esquecer de pesquisar o nome das igrejas, dos pontos turísticos e outras atrações. O que eu queria explorar era sentir a “vibe” da cidade e assim foram nossas andanças por lá.

Contudo, há algumas construções que chamam mais atenção, como essa igreja rosa, vermelha ou alguma cor entre uma e outra tonalidade. A arquitetura não tem nada demais, mas o lugar onde ela está, em meio aos demais prédios dá um toque especial à Franciscan Church.

img_9032 img_9047 img_9048

Essa nossa maneira de explorar o centro, sem rota, sem mapa e sem destino, nos fez ir e voltar várias vezes, porém como a região turística é bem pequena isso não teve o menor problema. Pelo contrário, nos proporcionou várias vistas lindas de ângulos diferentes.

img_9036 img_9039 img_9049 img_9053 img_9056

Uma atração turística diferente que encontramos em Ljubljana é a “Rain Area”, que nada mais é do que uma estrutura que fica soltando pingos de água para refrescar a população quando as altas temperaturas aparecem. Localizada bem em frente à Franciscan Church, o espaço é diversão garantida para a criançada!

img_9054 img_9061 img_9101

Aproveitamos para almoçar por ali, fomos em busca de nosso imã e lembrancinha e logo começou a chover. Como já estávamos satisfeitos com tudo que tínhamos vivenciado por lá, nem hesitamos de pagar o estacionamento e ir para o novo apartamento.

img_9132 img_9135 img_9138

Pagamos caro por ter feito a reserva de última hora, porém foi uma excelente surpresa o Apartment M&M. Apartamento enorme, bem equipado e com muito espaço pra Camila curtir. Além disso, os simpáticos proprietários preparam um tanque de areia cheio de brinquedos e um escorregador para que ela se divertisse. Só quem tem filhos entende o valor desses pequenos gestos 🙂

img_9144 img_9147

Nossa estadia em terras eslovenas terminou de maneira incrível e ficamos tristes de ter ficado tão pouco tempo por lá. A Eslovênia foi uma maravilhosa surpresa em nosso roteiro e um dos países mais civilizados que já visitamos. Agradeço pela milésima vez aos meus amigos que nos indicaram esse destino.

No dia seguinte partimos para Zagreb, para iniciar nossas aventuras em terras croatas. Acompanhem nos próximos posts 🙂

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Eslovênia, Europa, Ljubljana

De Zagreb à Ljubljana (capital da Eslovênia) de carro

Fizemos a reserva do carro na Green Motion e assim que desembarcamos o funcionário estava nos aguardando para nos levar ao escritório que fica fora do aeroporto. O procedimento foi rápido e logo estávamos prontos para conhecer este lado da Europa. Utilizamos o Google Maps Offline para nos guiar e foi bem fácil encontrar a estrada que nos levaria para a Eslovênia. Como esperávamos, rodovias perfeitas e muito bem sinalizadas. Sendo assim, fomos curtindo os 140 km de paisagens novas sem nenhuma preocupação.

dsc08443

Essa foi a primeira vez que passamos pela imigração fora de um aeroporto e o procedimento foi bem rápido. Assim que chegamos em terras eslovenas, já paramos para comprar o Vignette que é um selinho obrigatório que você tem que comprar, como se fosse um pedágio. A opção mínima de compra é de 7 dias e custa 15 euros. Logo que você cruza a fronteira já visualiza o ponto de venda e o processo de compra é bem fácil.

img_8814

Como escrevi no post pré-viagem, decidimos ir para a Eslovênia por indicação de  leitores do blog e ainda na estrada já estava muito empolgada com esse país que ainda é desconhecido para muitos brasileiros. Ao chegarmos na área urbana, esse sentimento aumentou ao ver tudo muito organizado e bonito no caminho para nosso apartamento.

Após pouco mais de 1:30h de viagem, encontramos a proprietária do Ljubljana Center Apartament e ficamos encantados com a receptividade e simpatia da Sra Petra. Ela fez questão de nos explicar vários detalhes sobre a cidade e marcou todos os pontos que deveríamos visitar em um mapa. Com a propaganda que ela fez da cidade, eu já estava doidinha para sair e começar a desbravá-la. Porém, ainda tínhamos que ir ao mercado para garantir as refeições da baixinha. E foi isso que fizemos! Aproveitamos que tinha um centrinho comercial na mesma quadra do apartamento e logo fizemos as compras. Como já era quase hora do jantar, preparamos a comidinha da Camila, ela jantou e só depois que fomos começar a conhecer a cidade.

Caminhamos uns 20 minutos até chegar ao centro da capital eslovena e nesse percurso já ficamos surpresos positivamente com a cidade. Ao chegarmos à beira do rio com o mesmo nome da cidade e começar a perceber a vibe da cidade, virei para o Loedi e disse: quem nos indicou a Eslovênia acertou em cheio o tipo de lugar que amamos. Ficamos muito empolgados com Ljubljana ao chegar na região turística da cidade tanto pelas lindas construções como pelo clima de curtição do verão europeu. Pena que estava escurecendo e não tiramos muitas fotos.

img_8820 img_8822 img_8825

Estávamos em busca de um lugar para jantar, mas os restaurantes à beira do rio estavam lotadíssimos. Andamos nas ruelinhas charmosas e encontramos uma lanchonete com preços atrativos e acabamos comendo ali mesmo um delicioso (e gigante) hamburguer.

img_8830

Já era hora da Camila dormir, mas ela estava tão empolgada com o passeio que resolvemos dar uma esticadinha por ali antes de voltarmos ao apartamento. Já tinha amado logo de cara Ljubljana e comecei a pensar que havíamos programado pouco tempo para a cidade. No meio desse papo resolvemos checar as datas de nossas reservas e, por sorte, descobrimos que havíamos feito uma nhaca viajística: faltou reserva para um dia entre a Eslovênia e a Croácia (arghhhhhhh!!!). Preocupados, voltamos logo para o apartamento para tentar resolver essa situação. O bom foi que percebemos nesse dia e assim tivemos a chance de buscar um lugar para ficar nesse intervalo.

Apesar disso, nossa chegada à esse lindo país foi muito bacana e estávamos super ansiosos para começar a turistar por lá.

7 Comentários

Arquivado em Eslovênia, Europa, Ljubljana